© 2016 por Wanderson Miranda de Almeida. Proudly created with WIX.COM

Coaching cristão

 

        Não sei se você já ouviu falar em coaching ou não, mas não é um bicho de sete cabeças e nem algo que veio para atrapalhar a sua vida.

        Quando falamos em coaching, estamos falando de um processo de desenvolvimento que vai analisar seu estado atual, vai ver aonde você quer chegar e traçará um plano a ser seguido, com metas e objetivos a serem alcançados. Basicamente é isso.

        E o que esse processo tem a ver com a vida cristã? Ué, você não sabe? Se você é cristão de verdade, deveria ter metas a serem alcançadas. Você não sabe o bem que isso faz.

        Mas como você pode fazer isso?

        Analise seu “estado espiritual” atual e pense a que nível você quer chegar. Seria à “estatura de varão perfeito”? Se for, a meta é enorme e exigirá muita dedicação. O que você não pode é ficar parado.

        Se você quer uma meta mais humilde para começar, – e acho melhor assim – que tal pensar em crescer espiritualmente? Todo cristão precisa disso. Mas o que fazer para crescer espiritualmente?

        Ore. A oração é essencial para o cristão. “Orai sem cessar” (1 Tessalonicenses 5:17). O cristão precisa ter uma vida diária de oração. Não estamos falando daquela oração antes de se alimentar ou antes de dormir. Estamos falando daquele momento quando você vai tirar um tempo para Deus e conversar com Ele.

        Há pessoas que ainda ficam tentando entender o texto acima e dizendo que não dá para ficar orando 24 horas por dia. Mas o texto não quer dizer que você deve parar com tudo e ficar de joelhos falando com o Pai. O texto quer dizer que você deve sempre estar ligado a Deus e pronto.

        Quando você estiver trabalhando, ore, fale com Deus, mesmo que seja mentalmente. Quando você estiver no seu lazer, ore, fale com Deus. Quando você estiver no “momento do nada”, ore, fale com Deus... Mas além disso, separe um tempo para conversar com Ele todos os dias. A oração é essencial para o crescimento cristão.

        Leia a Bíblia. É sério que ainda temos que falar sobre isso? Sim! Por quê? Porque os cristãos sabem que precisam se alimentar da Palavra, mas não se alimentam. E como crescer espiritualmente se não se alimentar? Não tem como.

        Mas se você é daqueles que já leem, não se dê por satisfeito. “O quê?” – você pergunta. E eu respondo: “Isso mesmo! Ler é pouco!”. Se você já lê, medite. A Bíblia diz assim: “Bem-aventurado o homem que não anda segundo o conselho dos ímpios, nem se detém no caminho dos pecadores, nem se assenta na roda dos escarnecedores. Antes tem o seu prazer na lei do Senhor, e na sua lei medita de dia e de noite” (Salmos 1:1,2). Bem-aventurado é quem medita na Palavra de dia e de noite. Se você lê, mas esquece o que leu...

        Obedeça. Você já ora e lê a Bíblia, precisa de mais o que para crescer? Obedecer. Tem muita gente lendo a Bíblia, orando, mas desobedecendo. E a obediência é tão importante assim? Claro! Leia o que diz a Bíblia: “E sede cumpridores da palavra, e não somente ouvintes, enganando-vos a vós mesmos” (Tiago 1:22); “Vós sereis meus amigos, se fizerdes o que eu vos mando” (João 15:14)... e tantos outros textos. Se você quer crescer espiritualmente, precisa obedecer ao Senhor.

        Estar ligado a Jesus. Entendo que aqui temos o resumo do que já foi dito. Orar, ler a Bíblia, meditar na Bíblia e obedecer nos leva a essa ligação com Jesus. E estar ligado a Jesus é extremamente importante para o nosso crescimento. “Estai em mim, e eu em vós; como a vara de si mesma não pode dar fruto, se não estiver na videira, assim também vós, se não estiverdes em mim. Eu sou a videira, vós as varas; quem está em mim, e eu nele, esse dá muito fruto; porque sem mim nada podeis fazer” (João 15:4,5).

        Para dar frutos, precisamos estar ligados a Jesus. Para nos mantermos de pé, precisamos estar ligados a Jesus. Para não desanimar, precisamos estar ligados a Jesus. Para vencermos as tempestades da vida, precisamos estar ligados a Jesus. Sem Ele não podemos fazer nada. Dá para entender a importância de nossa ligação com Ele?

        Pensar nas coisas de cima. Até pensei em encerrar antes, mas é bom lembrar disso aqui: “Portanto, se já ressuscitastes com Cristo, buscai as coisas que são de cima, onde Cristo está assentado à destra de Deus. Pensai nas coisas que são de cima, e não nas que são da terra” (Colossenses 3:1,2). Gastamos muito tempo com coisas que não nos acrescentam nada, pelo contrário, atrapalham nosso crescimento espiritual. Se seguíssemos a recomendação bíblica de pensar nas coisas do alto, nossa vida espiritual seria muito melhor, muito mais edificante.

        Muita gente diz que Deus é o que têm de mais importante, mas não dão tempo a Deus. Ocupam a agenda com outras coisas e, se sobrar, dedicam algum tempo a Deus. Talvez a palavra “dedicam” nem seja a melhor para expressar o que essas pessoas fazem com relação ao seu relacionamento com o Pai.

        Pensar nas coisas de cima nos faz evitar pensamentos pecaminosos ao mesmo tempo em que nos liga ao Senhor. O que tem ocupado seu pensamento?

        Crescer espiritualmente exige algumas providências, algumas mudanças, algumas atitudes. Vamos recordá-las? Orar, ler a Bíblia, meditar na Bíblia, obedecer, estar ligado a Jesus e pensar nas coisas de cima.

        Você quer crescer? Venha participar comigo desse coaching cristão!

Wanderson Miranda de Almeida, 07 de julho de 2019.

Leia também: Maria não é senhora!