© 2016 por Wanderson Miranda de Almeida. Proudly created with WIX.COM

Críticas são bem-vindas

 

 

Talvez você não pense como eu, o que é muito bom (rs). As pessoas não pensam da mesma forma, correto? Mas você, provavelmente, pensa em algumas coisas da mesma forma que eu penso, concorda? Pois é, por isso, entendo que críticas são bem-vindas. O fato de duas pessoas não pensarem exatamente do mesmo jeito tem seu lado positivo, pode trazer crescimento e isso é muito bom.

Quando falamos em críticas, muitas pessoas já ficam de cara feia, já que, normalmente, o ser humano não gosta de ser criticado, mas esse modo de ver a crítica deveria mudar.  As críticas podem ser muito úteis para corrigirmos algum “errinho” que não estamos conseguindo enxergar, afinal, quem acerta em tudo? Ninguém, claro! Mas, cuidado: há críticas que podem afundar uma pessoa também. Sendo assim, precisamos avaliar cada crítica que recebemos, pois algumas são para nosso bem, mas outras podem nos atrapalhar e mexer com nosso sistema nervoso, sem trazer benefício algum.

Críticas construtivas ou destrutivas? Eu prefiro as construtivas, e você? Acho que já sei a resposta. A crítica construtiva é aquela que é feita com o objetivo de ver o seu crescimento, ajudar-lhe a tomar as melhores decisões e ampliar sua visão. Amigos de verdade devem criticar e não bajular. Às vezes não conseguimos enxergar coisas que os de fora enxergam, por isso precisamos deles e de suas opiniões. Particularmente, já fui criticado muitas vezes, por assuntos os mais diferentes, por minhas opiniões, por minhas atitudes, pelo que escrevo... por aí! Em muitas dessas vezes, entendi que realmente eu estava errado e precisava mudar; em outras, não. Temos que prestar atenção se as críticas têm fundamento ou não. Muitos nos criticam por ignorância, por se sentirem incomodados com as coisas que conseguimos ou para nos ferir mesmo. Diante desse quadro, temos que analisar cada situação e, de preferência, até pedir opinião de amigos confiáveis para saber o que eles acham.

Bem, críticas são bem-vindas, pois podem nos ajudar a crescer. Elas não são o fim do mundo. Devemos aproveitá-las para isso. Ficar com raiva e querer revidar não é um bom caminho. Que venham as críticas e que elas nos tragam mais sabedoria para vivermos nesse mundo que está cada vez mais complicado. No mais, peçamos sabedoria a Deus, pois Ele nos concederá e nos levará pelo caminho adequado.

 

Wanderson Miranda de Almeida, 27/03/2017.

Wanderson Miranda de Almeida, escritor.