Diga a verdade

 

           

 

 

Saí de carro com meu irmão mais novo. O problema é que naquela época eu não tinha habilitação ainda. Não saí da minha pequena cidade, mas fui surpreendido pela polícia, o que raramente acontecia aqui. Estávamos andando numa boa, quando vi alguns policiais militares parando os carros. Com meu pensamento ágil (rs), saí daquele caminho e entrei em uma rua de pouco movimento, fora da BR, onde, com certeza, eu estaria livre dos policiais. Livre?

            Ao entrar na rua, dei de cara com dois policiais militares. Aquele não era meu dia. Eles fizeram sinal para que eu parasse o carro e foi isso que fiz. Eu e meu irmão descemos do carro e um dos policiais me perguntou: “Por que você entrou nessa rua?”. Eu respondi: “Porque eu estava na BR e vi os policiais, para tentar fugir da multa, entrei aqui”. Os policiais olharam um para o outro e sorriram. Devem ter pensado que eu era maluco! – rs. Sinceramente, eu apenas respondi a verdade e de uma forma bem espontânea. Meu irmão é testemunha de que não estou mentindo. Eu contei isso na minha igreja e o povo riu fácil. Uma irmã da igreja falou comigo: “Você fez isso mesmo? Eu não acredito!”. O povo está tão acostumado com a mentira que se espanta quando alguém diz a verdade.

            O que a Bíblia diz sobre isso? “Estas são as coisas que deveis fazer: Falai a verdade cada um com o seu próximo; executai juízo de verdade e de paz nas vossas portas” (Zacarias 8:16); “Porque a minha boca proferirá a verdade, e os meus lábios abominam a impiedade” (Provérbios 8:7); “O que diz a verdade manifesta a justiça, mas a falsa testemunha diz engano” (Provérbios 12:17); “Vós tendes por pai ao diabo, e quereis satisfazer os desejos de vosso pai. Ele foi homicida desde o princípio, e não se firmou na verdade, porque não há verdade nele. Quando ele profere mentira, fala do que lhe é próprio, porque é mentiroso, e pai da mentira” (João 8:44). A Palavra de Deus nos exorta a falarmos a verdade. O diabo é o pai da mentira, sendo assim, algum filho de Deus vai querer se parecer com ele, sendo mentiroso? Claro que não! Infelizmente, não há ser humano que nunca tenha mentido, mas a nossa busca deve ser pela verdade, sempre.

            Bem, apesar do sorriso dos policiais, eu fui premiado com uma multa, claro. Ainda assim, fiquei feliz, não pela multa, mas por ter conseguido falar a verdade naquele momento. Deus quer que falemos a verdade e se Ele quer, estou com Ele.

​Wanderson Miranda de Almeida, 12/03/2017.

Wanderson Miranda de Almeida.